quarta-feira, fevereiro 14, 2007

AMANTES DE VERDADE


Quero que sejamos amantes.
Para que os instintos cavalguem
mais depressa, que a razão.
E que os nossos beijos tenham sempre
o sabor do primeiro beijo
não, os dos beijos por obrigação.
*
Quero que sejamos amantes.
Sem compromissos nem obrigações
sem passado nem futuro,
sem perguntas nem respostas.
Só apenas com a ventura
de amar-te com ternura
*
Amantes, amantes de paixão,
amantes que caminham
sem destino final.
Em plena e mística obsessão
enchendo um mínimo espaço
onde te deixo o meu abraço
de um amor sem igual.

3 comentários:

Sandokan disse...

O amor conforta a alma dá-nos paz e dá-nos calma.

Existe uma estrela no céu que ninguem vê senão eu! disse...

Pois Li assim" o amor é que dá paz aos homens, calma ao mar silencio aos ventos e sono a dor" infelizmente as pessoas nao sabem amar assim nem como o teus post..neste mundo é dificil ...
Obrigado luz!

João JR disse...

Olá,
Que lindo espaço:)
Obrigada pela visita tão simpática aos meus cantinhos..volta sempre!
Adorei este texto...arrebatador!
Um grande beijo