sábado, novembro 25, 2006

MULHER, SEMPRE MULHER


Noite
serena noite
no escuro absoluto
delicado pirilampo
rumo ao infinito
céu enigmático
na imensidão etérea
transformado por magia
estranhíssima alquimia
na mais brilhantes das estrelas
eternizou-se a existência
do sentimento humano
restou apenas
teu nome escrito
na areia da praia:
MULHER

1 comentário:

Intelectual disse...

Ser mulher é ter um dom divino.