quinta-feira, fevereiro 08, 2007

POEMA PARA A MINHA PRINCESA

Minha doce donzela!
Enfrenta a tempestade nocturna, como os pássaros.
Ao amanhecer, mesmo com os ninhos derrubados,
Eles cantam sem palco e plateia!
Para eles, a vida é uma grande festa!
Minha querida princesa!
Não tenhas medo da vida,
Tem medo de não viver;
Não tenhas medo de cair,
Tem medo de não caminhar.
Rasga o teu coração, entrega-te,
Deixa este aventureiro descobrir-te!
Minha querida fada!
Solta a alegria da tua felicidade
Vem bailar comigo na claridade
Eu tenho para ti o segredo
Toma a minha mão e não tenhas medo
Vem a minha cama aquecer
Para que eu nunca te possa esquecer.

9 comentários:

Freyja disse...

QUERIDO ZECA HERMOSO POEMA DE AMOR Y ENTREGA, ELLA APRENDERA CON ESTE BELLO AMOR
BESITOS

sombras disse...

me ha gustado mucho este blog, la poesia esta linda
saludos

camila disse...

lindo poema felicitaciones
kiss

RICO FILHO disse...

BIEN, BIEN, BIEN
BELLA MUSA INSPIRADORA

BREDAMAGIA disse...

LINDO, UN POEMA SIEMPRE ES LINDO

Marco Gata disse...

HERMOSO ZECA TE FELICITO, BELLO POEMA

Axiológico disse...

ZECA ESTÁ MAIS FELIZ DO QUE PATO NOVO NA BEIRA DE LAGOA !!!! hehehheheeee

Mula Velha disse...

Zeca lindo poema felicitaciones

Zeca Paleca disse...

às vezes dáme para isto. A poesia é para afastar os maus espíritos.

eheheheheh