sábado, abril 21, 2007

LUSO QUE YO AMO!

Um blog pode ser comparado a um relicário, onde guardamos nossas peças reluzentes, que de vem em quando o abrimos e lustramos, a tomarem um brilho ainda mais intenso, tudo aquilo que criamos, que alguém como colaborador jogou lá dentro, como fazem as abelhas com o néctar que trazem dos topos das árvores, um blog não é só divertimento e brincadeira de quem não tem o que fazer. Ele se tornou para o mundo, sem sermos exagerados, de nem um jeito, peça de interação entre as pessoas. E quem sabe, convencidos de que é disso que o mundo precisa no momento, os Blog e seus adeptos só tenderão a crescerem, consolidando esse serviço e sua forma de peça importante na aproximação das pessoas.Um blog, é intimamente a pessoa que nele escreve suas íntimas coisas. E conseqüentemente é essa pessoa voando pelos quatro cantos do mundo, como fazem as andorinhas do Canadá, que no inverno saem de lá e vem aportarem no Paraná do Brasil.Dentre muitos blogs que conheço, destaco o papel do “luzo”, não por fazer parte dele, não por amá-lo como assim já me declarei, e pelo seu poder de penetração de benfazejo gesto de abraçar pessoas de vários países, línguas, pensamentos e outras peculiaridades, divergentes entre si.O LUZO, ao que se presta, tem feito o seu papel de maneira irretocável. somos tantos a zelar por ele e todos os dias saudá-lo já pela manhãzinha. São tantos no mundo que riem a se mijarem com as sacanagens do axiológico, do Zeca Paleca. Quantos não olharam ao corpo todo cintilante de Nokitas e não sonhou com essa moça, que passa rente aos nossos olhos uma imagem de mulher fatal, e é letal, mas que no fundo só busca com as mesmas nossas mãos este interagir, esse amor dividido, em pedacinhos, e espargidos sobre o mundo, como fazem os aviões lançando água sobre a floresta em chamas.Quem não ama o luzo, ama certamente a ONU, cuja responsabilidade de congregar as pessoas e os países afiliados a ela. E somos quem fazemos em seu lugar. Quem ama o luzo, em algum momento abençoado de sua vida lembrou São João Paulo II, a nuvem que cobria a terra inteira, com sua alvura indescritível. LUZO, um nome oportuno, para os brasileiros em especial, por que foram luzos os que nos descobriram e nos deixaram sermos a nação que somos hoje.
LUZO, pelos teus serviços, que fogem às brincadeiras, às propostas de coisas sérias que tenho visto, a responsabilidade, e o bem fazer de seus responsáveis como Freyja, Nokitas, Sandokan – um Fernando pessoa – Axiológico, dentre outros tantos, eu tenho a te dizer que além de te amar insisto em dizer que és o melhor blog do mundo.
Se quiséssemos, amanhã mesmo estaríamos aqui a fazer sensacionalismo, ou evidenciando Hollyood em peso, mas isso seria uma banalidade que não nos levaria a nada. Não trataremos de um mundo irreal onde, nem nós entenderíamos bem o nosso papel.

4 comentários:

Freyja disse...

Naeno
que hermoso como describes y amas a este blog, donde eres el señor poeta que cada dia entrega versos de amor, dolor y alegria llenos de sentimientos
llegas silencioso siempre dejando lo mejor de ti
Blog Luso es todo lo que dices, admeas une la geografia y comparte con todos, abierto en pensamientos y cada uno aqui tiene un aporte importante y especial
cada uno entrega su esencia y tu hoy dejas con tus letras dejas ver que cada uno de los que aqui estamos amamos a Luso
Naeno sigue llenando el mundo de versos como tu lo sabes hacer con una entrega preciosa, sigue con Luso aqui entregando versos para que cada dia lleguen al alma de cada uno
te dejo todo mi cariño eres grande Naeno, un gran amigo, un gran poeta que habla del alma
besitos amigo y que estes muy dia
mi abrazo grande y gracias por esto tan hermoso de hoy

Nokitas disse...

Naeno
eres un amor, en este hermoso post logras entregar tu corazon una vez
gracias por tu bellas palabras hacia mi, esta Nokitas agradece tu cariño
te dejo mil besitos y gracias Naeno por amar a Luso y este blog y por todo lo que entregas en tus poemas
kiss amigo

Nokitas disse...

Buen fin de semana Naeno

camila disse...

Luso ya es un encanto MUNDIAL
besos