quarta-feira, março 07, 2007

MAS QUE SORTE!

Ter sorte ao jogo e ter sorte nos amores não é para qualquer um, lá isso é verdade. É preciso ser muito felizardo para usufruir destes dois privilégios, mas não podemos subestimar a capacidade de persuasão e metodização que certas pessoas impõe no jogo do amor. Lembremo-nos do presbítero Francisco Costa, prior de Trancoso no longínquo século XV, homem másculo, dinâmico, prelúcido procriador e um sortudo - segundo rezam as crónicas - ao jogo do ganhotes.
Este nobre português não era era malgalante com as suas fiéis beatas, bem antes pelo contrário, sabia ser caridoso e perdoava os pecados na cama. E como era um homem sortudo, safou-se de figurar no martirológio da história da igreja, por mando de El-Rei D. João II. Aos sessenta e dois anos foi condenado a ser degredado das suas ordens e arrastado pelas ruas públicas nos rabos dos cavalos, esquartejado o seu corpo e postos os quartos, cabeça e mãos em diferentes distritos, pelo crime que foi arguido e que ele mesmo não contrariou, sendo acusado de ter dormido com vinte e nove afilhadas e tendo delas noventa e sete filhas e trinta e sete filhos; de cinco irmãs teve dezoito filhas; de nove comadres trinta e oito filhos e dezoito filhas; de sete amas teve vinte e nove filhos e cinco filhas; de duas escravas teve vinte e um filhos e sete filhas; dormiu com uma tia, chamada Ana da Cunha, de quem teve três filhas, da própria mãe teve dois filhos.
Total: duzentos e noventa e nove, sendo duzentos e catorze do sexo feminino e oitenta e cinco do sexo masculino, tendo concebido em cinquenta e três mulheres.
Como era bom e sábio, El-Rei D. João II perdoou-lhe a morte e mandou-o pôr em liberdade aos dezassete dias do mês de Março de 1487, com o fundamento de ajudar a povoar aquela região da Beira Alta, tão despovoada ao tempo, e guardar no Real Arquivo da Torre do Tombo esta sentença, devassa e mais papéis que formaram o processo.
Os tempos eram outros, porque, se fosse agora, com a esmagadora maioria a votar SIM no referendo da IVG, o representante de Deus na terra poderia padrear à vontade. Teria que ter cuidado no distrito de Aveiro, mas no concelho da Mealhada era um fartote, apesar de contar com a oposição de um blogue de pacotilha onde um autor de obras literárias e científicas fica muito admirado com a escolha sábia dos votantes do nosso município.
Mal vai o político local que não consegue entender a sua gente!

13 comentários:

Peste disse...

Xiça... q o gajo era inspirado...

raios... tanto filho dá cá uma despesa!!! cum catano... eu sendo ele dizia o q disse o D. Duarte quando sabia q ia ter uma filha...

"nuéminha"

SAM disse...

Exactamente! Política,poder, sexo ( crime e castigo ) como diria o Dostoievski lolololo

abraço

Maria Strüder disse...

Lol isso no Natal devia ser uma alegria...

Ana S. disse...

A história deste padre é famosa. Enfim...usava um metodo inovador de perdoar os pecados. Pelo menos não pedia dinheiro ou bens materiais. Se fosse agora com a IVG ele não teria escapatória mesmo! lol
Beijos

Thunder disse...

Será que já havia viagra???

Nanny disse...

A história do padre já conhecia, e terá sido um dos grandes contributos para o desequilibrio entre sexo feminino e masculino... hehehe

Agora não te sabia assim injusto!!!! Procura lá que eu vim comentar e fiz-vos um tchim, tchim!

Que MAU!

Hoje não te dou beijo, nem te chamo tigre!

geo disse...

tanto filho!! lol nao conhecia a historia...

um abraço

geo disse...

ps: a foto é deveras interessante ;) ehehehe

Nokitas disse...

un abrazo Sandokan

ci disse...

he he he...é só inspiração...:)

beijos incomuns

Klatuu o embuçado disse...

:)

Escorpiana Explosiva disse...

Esse cara devia ter mel naquele membro.

Pois para conseguir conquistar tanta mulher.

Efazer tudo isso de filho não é pra qualquer um eu acho.


Gostei do que acabo de ler muito legal.

Um bjo.

Axiológico disse...

FAZER UM MONTE DE FILHOS É BEM FÁCIL..... quero saber quantos destes filhos ele sustentou ??? deu carinho ???? educação ???? comida ????? ..... fazer é bem fácil...heheheheh e tri bom.. heheheh