quarta-feira, julho 11, 2007

O POEMA DA LAURINHA




A minha grande Amiga LAURA VIEIRA - LAURINHA - todos os dias nos surpreende com algo agradável e consegue estar sempre bem consigo própria o que torna a vida bastante agradável aos que estão ao seu lado. Desta vez, porque a poesia está na sua alma, deixou-me um poema dedicado ao NAENO. Aqui vai:

DA NOIVA BLOGUEIRA PARA O NAENO

Moreno

Moreno, moreno
Que vou lhe amar
E enquanto o amar
Por você
Minha terra vou deixar...

Vou deixar que me separe
Da terra onde nasci
Dos seres que me amaram
Vou deixar de ver o mar
O mar onde sempre vivi.

Moreno, moreno
Vou deixar tudo por ti
Os filhos que amo
E que me amam a mim
Mas por você tudo farei
Se você me amar assim.

Moreno, moreno
Você nem é tão velho assim
Depois de o ver
Tocando seu violão
E imaginando você
A andar lá pelo sertão.

Moreno, moreno
Pegue minha mão
Junte ela na sua
E vamos por aí
Eu segurando chapéu
E você tocando lá no sertão.
MUITO LINDO LAURINHA!

9 comentários:

Naeno disse...

SANDOKAN, obrigado pela força. É de amigos assim que eu preciso. Me ajuda a roubar a moça.

Um abraço
Naeno

Sandokan disse...

Bem, Amigo: A moça tem 55 anos, porém é muito legal.

Klatuu o embuçado disse...

AVISO!!!!


Este texto - http://dente-de-marfim.blogspot.com/2007/07/inveja.html - é PLAGIADO do «Abrupto» de Pacheco Pereira!

A menina Kanoff - CUJO BLOG É TODO PLAGIADO - fingiu apagar o anterior blog - e transferiu tudo!

___
Hi5: http://kanoff.hi5.com/

Diabólica disse...

Muito bonito, sem dúvida.

Qd se quer nunca se desiste de nada! Parabéns à tua amiga.

P.S- Tenho uma artigo sobre um tema polémico no meu blog, se puderes gostava q lá passasses p deixares a tua opinião.


BJS

Helena Nunes disse...

Ora a isto chamo eu uma bela homenagem. Feita com todo o sentimento.
Bjos

Menina do Rio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Menina do Rio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Menina do Rio disse...

Sandokan,
Todo mundo neste Luso anda muito comprometido. Sempre que venho aqui tem noivados, casórios... E tu vais ficando aí só de amigo do noivo. Tá na hora que arrumarmos uma noiva pra ti... E olhe o pré conceito! Só porque a moça passou de Loba pra Leoa, ela tb tem o direito de ser feliz - e, porque não com o Naeno? Eu dou o maior apoio! Bota as barbas desse Tigre de molho!

beijinhos

Å®t_Øf_£övë disse...

Sandokan,
Muito bonito este poema da Laurinha, cheio de amor. Sorte a do Naeno que recebe prendas assim. Parabéns para a Laurinha, porque considero que escrever poesia é um dom, que não é para qualquer um.
Abraço.