sexta-feira, março 06, 2009

MAMAI ATÉ PODER

Peço desculpa se ofendo alguém, mas hoje fui beijado por uma brisa fresca e lembrei-me de que há quem chore lágrimas da cor da ira e que, por certo, anda a ler o Livro do Desassossego, pois a mania do absurdo e do paradoxo é a alegria animal dos tristes. Eu sinto a tristeza que lhes vai na alma, mas quem não compreende a tristeza não compreende este mundo de lágrimas.
Vejo homens infelizes que buscam consolo em misturar as suas mágoas com a dos outros. E as suas almas entristecem, como vai envelhecendo o seu coração. Pouco a pouco. Sem dar sinais.
Passo os olhos pelos semanários concelhios e vejo uma borboleta de sonho, que é como a alma dos aflitos e se parece à palavra melancolia.
Afinal todos querem continuar a mamar!

9 comentários:

Fragmentos Betty Martins disse...

.olá______Sandokan



a imagem é linda!


.e


o texto____a condizer!:=)




parabéns por este "espaço"











beijos
bFsemana

escarlate.due disse...

pois! aí é que está um dos grandes males: todos (ou pelo menos quase todos) querem continuar a mamar!

SAM disse...

Você é doce Sandokan...


Um beijo querido amigo.

São disse...

Gostei da imagem.
Acho o Luso lindo.
Tudo de bom.

Roseane disse...

Lindo...lindo...Adorei seu espaço!vim retribuir
a visita e agradecer as belas palavras que deixou em meu blog .
beijinho

Pampilhosa Linda disse...

VISITE pampilhosa-linda.blogspot.com

Ana Martins disse...

Muito bom o texto... uma terrivel realidade!

Peço desculpa pela observação, mas tenho grandes dificuldades em conseguir ler os seus textos, o vermelho das letras no azul do fundo não me deixa ver bem.

Beijinhos,
Ana Martins

mundo azul disse...

_________________________________

Sandokan...Na verdade o ser humano é carente por natureza...

É necessário um longo aprendizado e muita disciplina, para que, observemos que o verdadeiro preenchimento, só pode brotar de nós mesmos... Mas, até lá...


Gostei da sua reflexão!

Beijos de luz e o meu carinho...

__________________________________

Vício disse...

A realidade do mundo exposta a seco na vida
É muito cruel, doi, fere, deixa nossa alma sentida,
É positivo que se saiba mostrar,
É positivo que se saiba para todos os lados olhar.
É positivo que haja que saiba expor e denunciar...

A realidade pode ser dura mas também precisa
De beber a magia das histórias de encantar
Precisa de amar, de ser acarinhada e de acreditar,
Precisa de acreditar que sempre pode existir
O brilho no olhar ou um Super-Herói
Que faça o mundo viver e aprender a sorrir
Que nos olhe nos olhos e nos deixe esperança,
O mundo precisa sarar a ferida que mais dói,
Precisa que veja um olhar puro de criança
E acreditar que vale a pena e que tudo pode mudar...

Histórias de encantar... histórias de encantar...
Vem neste meu mundo de sonho voar
Que te ensinarei como é bom saber acreditar,
Vem, dá-me a mão e diz-me que acreditas,
Diz-me que nos meus olhos a vida ainda pode brilhar,
Diz-me que me amas e que por mim não hesitas
Porque baseado na verdade que me dás talvez possa mudar,
Talvez seja mais um para fazer a diferença
E voltar a dar ao nosso mundo a cor da esperança...